Novo regulamento de candidatura a projetos de apoio da FRP: Clubes candidataram em fevereiro 39 projetos

  •  
    No oitavo ano de implementação do novo Regulamento de candidatura a projetos de apoio da Fundação Rotária Portuguesa (FRP) os clubes rotários continuam dar sinais de dinamismo ao candidatarem em Fevereiro 39 projetos. Destes só um não foi aprovado, por «se destinar a apoios de populações fora do país», segundo a comissão que fez a verificação e aprovação dos projetos.

    O conjunto de candidaturas apresentadas envolve 39 clubes – 18 do Distrito 1960 e 21 do Distrito 1970.

    Os projetos estão assim distribuídos: Distrito 1960 – Alfabetização/Educação, 5; Fome e Pobreza, 13; Distrito 1970 – Alfabetização/Educação, 6; Fome e Pobreza, 12; Promoção da Saúde, 1 e Recursos Hídricos e Ambiente, 2.

    O valor total dos projetos apresentados pelos clubes é de 91.007,70 euros; enquanto o valor pedido à FRP é de 32.693,78 euros. Os contributos e parcerias somam 32.761,46 euros; enquanto os fundos próprios dos clubes atinge o valor de 25.552,46 euros.

    Do conjunto de projetos candidatados pelos clubes rotários na área de Alfabetização-Educação, destaca-se entre outros, a aquisição de instrumentos musicais; atribuição de diversas bolsas de estudo; aquisição de material didáctico e pedagógico para crianças deficientes e autistas; desenvolvimento de ação de incentivo à troca de livros escolares e apoio a concurso de escrita criativa.

    Os projetos enquadrados na ênfase Fome e Pobreza visam, entre outros, a atribuição de cabazes de Natal a famílias carenciadas; aquisição de óculos para crianças que frequentam o Ensino Básico; apoio a famílias carenciadas com filhos menores; aquisição de equipamentos de protecção individual para bombeiros e apoio a famílias carenciadas com medicamentos.

    Na Promoção da Saúde destaca-se a continuação do projeto do Rotary Club da Figueira da Foz com programa de vacinação solidária – Prevenar 13, contra a Meningite.

    Na ênfase dos Recursos Hídricos e Ambiente o destaque vai para os projetos dos jovens do Interact Club de Felgueiras que se propõem concretizar programa de limpeza do município local e promover formação cívica na comunidade; enquanto o Rotary Club da Covilhã implementará programa de limpeza da Mata Serra da Estrela e sensibilização de jovens em idade escolar para esta problemática.

    Nas próximas semanas iremos desenvolver, apresentar e caracterizar alguns dos projetos aprovados, com o objetivo de divulgar as ações que os clubes já concretizaram ou estão a concretizar nas respetivas comunidades.